Ir para o conteúdo

Centro Juvenil de S. José organiza II Seminário “Família em Foco”

A 2ª edição do Seminário Família em Foco terá lugar nos próximos dias 30 de setembro e 1 de outubro no pequeno auditório do Centro Cultural Vila Flor.

Esta é uma iniciativa organizada pelo Centro Juvenil de S. José e visa a apresentação e discussão de boas práticas nas áreas da primeira infância, crianças e jovens em perigo e famílias multidesafiadas.

O bem-estar das crianças, jovens e suas famílias é uma prioridade, pelo que é importante percebermos quais as ferramentas necessárias para auxiliar este processo.

Este seminário pretende ser um espaço de reflexão, atualização e partilha de boas práticas entre os profissionais e oradores ligados à investigação e intervenção nestes domínios.

A participação está aberta a todos e os bilhetes, que tanto podem ser adquiridos para o formato presencial como à distância, já se encontram à venda no site seminario.cjsj.pt

Caso opte pela inscrição online e não consiga assistir ao evento em direto, terá acesso à gravação através de uma área reservada para o efeito (disponível para visualização nos dias 2 e 3 de outubro).

Conheça o programa.

Garanta já a sua inscrição!

contador grátis

“Pais & Filhos”

O Centro Juvenil de S. José estabeleceu uma nova parceria com o Diário do Minho, com a rubrica intitulada “Pais & Filhos”.

De forma prática e simples, desejamos:
Ajudar as famílias nas suas rotinas e desafios diários!
Sensibilizar para uma educação positiva!
E ainda, divulgar iniciativas!

Pode ler os nossos artigos no Jornal Diário do Minho, bem como nas plataformas digitais (Diário do Minho, Redes Sociais, e Site Institucional), semanalmente, às quintas-feiras!

Artigo da semana: https://diariodominho.sapo.pt/2021/06/04/pais-filhos-como-as-discussoes-dos-pais-tambem-afetam-os-filhos/

Queremos estar cada vez mais perto de si!

contador de acessos

Especial Dia da Mãe

Ofereça um presente especial à sua Mãe, com uma pintura em acrílico de Cidália Pinto Lisboa.
Há 6 mensagens diferentes para descobrir…

Uma iniciativa do Vitória Solidário, cujo valor angariado reverte integralmente a favor do Centro Juvenil de S. José.

📌Adquira já o(s) seu(s) na sua #VitóriaStore ou no Comércio Local de Guimarães.

📌 Para mais informações e encomendas:
Tel: 253 416 316
Telm: 925 220 359
Email: sec103@cjsj.pt

Ajude esta Causa!

Obrigado #VitóriaSolidário
Obrigado Vitória Sport Clube
🖤🤍

Consignação IRS

Um pequeno gesto pode fazer a diferença!

Sabia que o Estado, sem custos para o contribuinte, permite que 0,5% do imposto liquidado reverta a favor das Organizações de Apoio Social e Humanitário Sem Fins Lucrativos?

Deste modo, o Centro Juvenil de S. José vem por este meio solicitar o seu envolvimento neste ato solidário.  

Quando?  

Até 31 de março pode realizar a consignação prévia do IRS! Aceda ao portal das finanças, separador “Dados Agregado IRS” – “Comunicar Entidade a Consignar IRS/IVA” e insira o NIF do CJSJ: 500 876 053!

Ou então, no momento do preenchimento anual da Declaração de IRS, que decorre entre 1 de abril até 30 de junho de 2021.  

Como?  

Através da Consignação do IRS no preenchimento anual da Declaração de IRS. 

  • IRS Automático 

No IRS Automático, a consignação é efetuada na área “Pré liquidação”.

  • Modelo 3 

Na declaração de rendimentos Modelo 3, a consignação realiza-se no quadro 11 da folha de rosto.

Incorro em algum custo?  

Não. Não tem custos associados, a consignação de IRS permite que 0,5% do seu imposto que iria para os cofres do Estado, seja entregue ao CJSJ.

 A contribuição através da Declaração de Rendimentos é um ato de Responsabilidade Social.

Seja Solidário, junte-se a esta Causa!

contador de visitantes

Centro Juvenil de S. José com projeto aprovado pela Portugal Inovação Social

Família em Foco

Family First – Home Sessions” é o nome de uma Iniciativa de Inovação e Empreendedorismo Social (IIES) que está a ser desenvolvida pelo Centro Juvenil de S. José.

O projeto foi candidatado à iniciativa Portugal Inovação Social no âmbito do Instrumento de Financiamento Parcerias para o Impacto, tendo sido aprovado. A Portugal Inovação Social visa promover o empreendedorismo e a inovação social em Portugal, como forma de gerar novas soluções, numa lógica complementar às respostas tradicionais, para a resolução de importantes problemas societários. No âmbito da sua lógica de estimulação do mercado de investimento social, o instrumento de financiamento parcerias para o impacto, financia 70% das necessidades de orçamento do projeto, prevendo um investimento dos restantes 30% por parte de um ou vários investidores sociais, sendo que no caso do projeto Family First o investidor foi o BPI/Fundação La Caixa.

No essencial, o projeto propõe a criação de um espaço encenado, onde as famílias serão convidadas a representar várias situações-problema do quotidiano do sistema familiar: uma espécie de Mini Kidzania para a educação parental.

Neste espaço simulado, concebido à semelhança de uma habitação, serão realizadas muitas atividades, onde pais e crianças/jovens realizarão as atividades per si, com vista à apropriação de estratégias que visem o desenvolvimento de competências parentais, a promoção de uma parentalidade positiva e a autonomia das famílias.

O projeto, co-financiado pelo Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (PO ISE) tem uma duração de 36 meses, integrando a requalificação de um espaço do Centro Juvenil de S. José, adaptado para uma habitação que desenvolverá ações de educação parental a cerca de 200 beneficiários.

 

contador gratuito

Comunicado: COVID-19

No âmbito das medidas preventivas e de contingência à propagação do COVID-19, apelamos à sua melhor compreensão.

Para qualquer informação/ esclarecimento adicional, contacte-nos pelas vias alternativas:
 253 416 316

Casa de Acolhimento Centro Juvenil de S. José
📱 963 039 006
💻 lij201@cjsj.pt

CAFAP Centro Juvenil de S. José
📱 925 534 633
💻 cafap@cjsj.pt

Siga as orientações da Direção Geral de Saúde
👉 https://www.dgs.pt/

Proteja-se a Si e aos Outros.

Concurso de Recrutamento e Seleção

 O Centro Juvenil de São José (Guimarães) encontra-se em processo de recrutamento de pessoal, para a resposta social de Lar de Infância e Juventude (/Casa de Acolhimento Residencial)

 

Caracterização dos postos de trabalho:

 

Ref. AA – Ajudante de Ação Direta (M/F):

– 12º ano de escolaridade ou licenciatura na área das ciências sociais e humanas (fator eliminatório);

– Idade mínima de 30 anos (preferencial);

– Residência no concelho de Guimarães (preferencial);

– Experiência mínima de 2 anos, no trabalho com jovens em situação de risco: Casas de Acolhimento, Comunidades Terapêuticas e/ou Centros Educativos (fator eliminatório);

– Flexibilidade horária: turnos rotativos, incluindo noites, fins-de-semana e feriados (fator eliminatório);

– Disponibilidade imediata (fator eliminatório);

– Carta de condução e viatura própria (fator eliminatório);

– Averbamento à carta de condução para Transporte Coletivo de Crianças – código nacional 997 (fator preferencial);

– Capacidade para trabalhar em Equipa Multidisciplinar;

– Capacidade de organização;

– Sentido de responsabilidade;

– Dinamismo, criatividade e pró-atividade;

– Boa capacidade de comunicação, interpretação e escrita.

 

Ref. PSI – Psicólogo (M/F)

– Licenciatura/ Mestrado em Psicologia (fator eliminatório);

– Membro Efetivo da Ordem dos Psicólogos Portugueses (fator eliminatório);

– Idade mínima de 28 anos (preferencial);

– Residência na zona de Guimarães (preferencial);

– Experiência mínima de 2 anos, no trabalho com jovens em situação de risco – Casas de Acolhimento, Comunidades Terapêuticas e/ou Centros Educativos (fator eliminatório);

– Conhecimentos sólidos sobre Processos-Chave dos Manuais de Qualidade da Segurança Social;

– Experiência em Gestão de Processos Individuais;

– Conhecimentos sólidos da legislação em vigor;

– Capacidade para trabalhar em Equipa Multidisciplinar;

– Capacidade de organização;

– Sentido de responsabilidade;

– Dinamismo, criatividade e pró-atividade;

– Boa capacidade de comunicação, interpretação e escrita;

– Carta de condução e viatura própria (fator eliminatório);

– Flexibilidade horária e disponibilidade imediata (fator eliminatório).

 

Ref. SS – Técnico Superior de Serviço Social (M/F):

– Licenciatura/ Mestrado em Serviço Social (fator eliminatório);

– Idade mínima de 28 anos (preferencial);

– Residência na zona de Guimarães (preferencial);

– Experiência mínima de 2 anos, no trabalho com jovens em situação de risco – Casas de Acolhimento, Comunidades Terapêuticas e/ou Centros Educativos (fator eliminatório);

– Conhecimentos sólidos sobre Processos-Chave dos Manuais de Qualidade da Segurança Social;

– Experiência em Gestão de Processos Individuais;

– Conhecimentos sólidos da legislação em vigor;

– Capacidade para trabalhar em Equipa Multidisciplinar;

– Capacidade de organização;

– Sentido de responsabilidade;

– Dinamismo, criatividade e pró-atividade;

– Boa capacidade de comunicação, interpretação e escrita;

– Carta de condução e viatura própria (fator eliminatório);

– Flexibilidade horária e disponibilidade imediata (fator eliminatório).

 

Ref. ES – Técnico Superior de Educação Social (M/F)

– Licenciatura/ Mestrado em Educação Social (fator eliminatório);

– Idade mínima de 28 anos (preferencial);

– Residência na zona de Guimarães (preferencial);

– Experiência mínima de 2 anos, no trabalho com jovens em situação de risco – Casas de Acolhimento, Comunidades Terapêuticas e/ou Centros Educativos (fator eliminatório);

– Conhecimentos sólidos sobre Processos-Chave dos Manuais de Qualidade da Segurança Social;

– Experiência em Gestão de Processos Individuais;

– Conhecimentos sólidos da legislação em vigor;

– Capacidade para trabalhar em Equipa Multidisciplinar;

– Capacidade de organização;

– Sentido de responsabilidade;

– Dinamismo, criatividade e pró-atividade;

– Boa capacidade de comunicação, interpretação e escrita;

– Carta de condução e viatura própria (fator eliminatório);

– Flexibilidade horária e disponibilidade imediata (fator eliminatório).

 

Oferece-se:

– Contrato de Trabalho a Termo Resolutivo Certo;

– Remuneração de acordo com a Tabela Salarial da CNIS;

– Benefícios Sociais;

– Todos os direitos inerentes ao tempo de serviço prestado.

 

Processo de recrutamento e seleção:

1º) Análise curricular

2º) Entrevista presencial

 

Observações:

Os interessados deverão remeter candidatura anexando CV e certificados de habilitações, até ao próximo dia 5 de Dezembro de 2019, via e-mail para recrutamento.cjsj@gmail.com, com a indicação expressa no assunto de e-mail da referência a que concorre (ex.: Ref. AA; Ref. PSI; Ref. SS; Ref. ES), não sendo consideradas as candidaturas sem esta indicação.

Guimarães Night Run

Queremos convidá-lo a participar na iniciativa solidária do Bazar Desportivo: Guimarães Night Run.
Serão apoiadas três Instituições de Solidariedade e Ação Social da Cidade Berço: Fraterna Guimarães, Centro Juvenil São José e Casa da Criança de Guimarães.

Com duas provas [Corrida – 10 Km e Caminhada – 5 Km], não haverá motivos para não participar.

Desafie-se a si mesmo e participe num evento noturno memorável, com ofertas especiais para os participantes.

Junte-se a nós e venha fazer parte desta Família!

Inscreva-se já –> http://bit.ly/IncriçõesNightRun
Mais informações –> https://www.bazardesportivo.com/nightrun[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Sociedade Musical de Pevidém entrega receita de Concerto Solidário ao Centro Juvenil de São José

A Sociedade Musical de Pevidém entregou, no dia de ontem, a receita angariada na 11ª edição do Concerto Dia de Portugal ao Centro Juvenil de São José, como forma de apoiar todas as crianças e jovens em acolhimento residencial.

A iniciativa solidária teve lugar no passado dia 10 de Junho, no Auditório da Universidade do Minho.

Este concerto serviu também para homenagear a Casa, de onde surgiram vários músicos e maestros que fizeram parte da Banda Musical de Pevidém.

Nada do que dissermos hoje, substituirá o que vivemos e sentimos no dia de ontem!

A recuperar daquele que foi um turbilhão de muitas emoções.
Regressamos a Casa, mas ainda com a sensação de estarmos rodeados de todo o afeto com que fomos recebidos.
Não poderíamos estar mais felizes, não só pela paixão pela música, mas também, pela junção da solidariedade a um público muito especial.
Queremos deixar um agradecimento muito especial a todos os Diretores, aos Músicos da Banda Musical de Pevidém, ao Solista Vítor Faria, aos membros do Coro da Academia de Música Comendador Albano Abreu Coelho Lima e aos Nossos Rufos São José, pela execução artística e humana exemplares.
Não poderíamos nunca deixar de enaltecer o talento, afinco, simpatia e humildade com que o Diretor Artístico da Sociedade Musical de Pevidém nos presenteia, e a todos os que o rodeiam. Professor Vasco Silva de Faria, o nosso muito obrigado!

Faltam-nos as palavras,
Nada do que dissermos hoje, substituirá o que vivemos e sentimos no dia de ontem!

Foi muito bonito.

Muito obrigado/a a todos/as!